segunda-feira, novembro 5

Só Deus sabe (Sólo Dios Sabe, MÉXICO/BRASIL, 2006)



Eu sou um maldito. Um idiota ordinário. Tenho que parar de assistir filmes só por causa das atrizes. Vi certa foto de Alice Braga e não deu outra: resolvi baixar o filme mais recente dela, o Sólo Dios Sabe, protagonizado também por Diego Luna (aquele do Y tu mama también) e dirigido por um tal de Carlos Bolado.

Realmente, eu fiquei “boladão” após assistir à película: que MERDA foi aquela?! O título do filme também faz jus: só Deus sabe o que o diretor tentou mostrar com aquela porcaria. Eu deveria ser mais polido em meus termos, mas o maldito longa-metragem é um lixo total.

Claro que há piores. E eu vi o que queria: Alice Braga. Ela não é má atriz (assistam Cidade Baixa), embora não fale muito bem o inglês. Diego Luna também não - mas o roteiro e a direção deixam a desejar. O espectador fica espantado com o rumo que o filme toma. A princípio, uma história de amor. Depois, problemas de imigração; questões de fé; candomblé; aborto; frescuras. E por aí vai. Eu poderia não contar o final para não estragar a surpresa, mas não há como estragar o que já está estragado. Alice (esqueci o nome da personagem) fica grávida de Damián (Diego) mas pega um câncer maldito e poderá morrer se parir. Embora a mãe dela e o namorado lhe implorem para desistir da filha, ela escolhe dar a luz e partir dessa para melhor. Quando eu penso que não, acaba o filme: Damián no mar com a suposta filha, jogando flores para a alma de Alice de acordo com os rituais da cultura “candombléica” e lançando aquele velho olhar nostálgico e de reflexão aristotélica. E acaba.

Trilha sonora. Querem mesmo que eu diga? Ok: vai de Interpol a Babado Novo. É sério. É muito sério.


NOTA:

5 comentários:

davi disse...

Ô man, essa parada de babado novo é brincadeira né?!

daniel disse...

Não, é sério. É verdade.

É aquela:
"Feche os olhos pra não ver passar o tempo / sinto falta de você / anjo bom amor perfeito não sei o quê!"

davi disse...

francamente joão, estás decaindo. Por onde andam teus olhos vagueiros antes tão bem ambientados em belas e bem feitas películas? Não te valeste nada meu aviso, mais que aviso, conselho, recomendação expressa num dado post? "feche os olhos pra não ver.." esse tipo de coisa que andas vendo.

Anônimo disse...

Quem esperava uma comédia romântica previsível, realmente, se decepciona. Os atores estão muito bem e o filme prende a atenção. Reocmendo.

Anônimo disse...

É o 1º filme que obteve permissão para filmar nas passagens fronteiriças de Tijuana.